Zoológico da Cúmbria, onde 500 animais morreram de forma controversa, renova licença

Zoológico da Cúmbria, onde 500 animais morreram de forma controversa, renova licença

O zoológico onde mais de 500 animais morreram em menos de quatro anos recebeu uma renovação de sua licença das autoridades.

Um relatório desanimador do South Lakes Safari Zoo, de Dalton-in-Furness, Cúmbria, revelou que 486 animais morreram de causas que incluem emaciação e hipotermia entre dezembro de 2013 e 2016.

David Gill, o fundador do zoológico teve um pedido de licença recusado em março deste ano após passar a atração para as mãos de uma nova empresa, a Cumbria Zoo Company Ltd, em janeiro.

Mas agora, o Barrow Borough Council emitiu uma nova licença após uma inspeção recente, que mostrou sinais encorajadores de melhora nas instalações.

Dois filhotes de leopardo da neve (não fotografados) foram descobertos parcialmente devorados na área onde viviam no zoológico (Foto: REX Features)
 

Em um relatório entregue ao conselho no início deste mês, inspetores nomeados pelo governo elogiaram “a palpável mudança na cultura e na atitude dos funcionários, bem como seus níveis de compromisso, dedicação e entusiasmo, além de seus planos ambiciosos de dar continuidade ao trabalho, agora que o proprietário/diretor não está mais envolvido com o zoológico”.

A reviravolta aconteceu apenas um ano após o zoológico ser multado em 255.000 libras por violações de saúde e segurança após a cuidadora Sarah McClay, de 24 anos, ter sido morta por um tigre da Sumatra.

Um relatório desanimador também revelou que dois filhotes de leopardo da neve, Miska e Natasja, foram descobertos parcialmente devorados.

Apesar das melhorias aparentes, a Captive Animals Protection Society ainda faz críticas duras ao jardim zoológico.

Em um comunicado, o grupo disse: “quatro dos oito novos diretores do Cumbria Zoo Ltd são antigos diretores ou gestores do South Lakes Safari”.

“A CEO do Cumbria zoo, Karen Brewer, esteve presente em uma inspeção feita no South Lakes Safari em 2011. Nessa ocasião, os inspetores se mostraram muito preocupados com a vida e o bem-estar dos animais”.

Fonte:   Yahoo News UK , Yahoo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s