Sacrifício de animal faz parte da liberdade de religião, diz TJ-SP

Sacrifício de animal faz parte da liberdade de religião, diz TJ-SP

Por maioria de votos, o TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) derrubou a lei de Cotia que proibia o sacrifício de animais com “finalidade mística, iniciática, esotérica ou religiosa”.

Em vigor desde setembro de 2016, a lei fixava multa de R$ 1.504 ao transgressor.

Para o desembargador Salles Rossi, relator da matéria, a lei restringia a liberdade de culto, além de estabelecer multa muito elevada.

Representantes de terreiros comemoraram a decisão.

O desembargador Xavier de Aquino apresentou voto divergente com o argumento de que o sacrifício é uma crueldade aos animais.

“Imaginem vocês terem suas jugulares cortadas a sangue frio aguardando a morte lenta, totalmente conscientes, como ocorre nos rituais.”

Com informação do TJ-SP e Consultor Jurídico.
Fonte: Paulopes

Anúncios

2 comentários em “Sacrifício de animal faz parte da liberdade de religião, diz TJ-SP

  1. Engraçado esse nosso Brasil, se vc atirar em uma capivara ou qualquer outro animal pra poder servir de alimento vc vai preso sem fiança, mas fazer essa crueldade e babaquice com animais podem. Que vontade de dar um tapa bem dado na cara de cada um desses políticos que aprovaram isso, iriam ficar surdos até 2020.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s